Terça, 10 Março 2020 17:35

SEMANA MULHER Crea-DF: Atuar na área tecnológica pode contribuir para mais mulheres em cargos de liderança

Escrito por
Avalie este item
(0 votos)

Em muitos locais de trabalho ainda existem desigualdades na conquista das principais funções e salários nas empresas. Por conta disso, as mulheres têm  sempre investido na formação acadêmica e em mobilizar políticas para contornar tal situação.

Mulheres atuantes na área das exatas é uma tendência de mercado. Um estudo da McKinsey, uma empresa de consultoria empresarial americana,  mostra que em função da automação do setor produtivo, milhões de mulheres terão de se qualificar em profissões voltadas para a área tecnológica, onde ainda tem baixa participação feminina e uma grande demanda represada.

Já um estudo do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada ( Ipea) - veiculado no Jornal Estadão neste mês - indica que até 2030 a participação feminina no mercado irá crescer mais do que a masculina. Mas ainda assim há muito trabalho a ser feito no Brasil, visto que a presença de mulheres em cargos de alta gestão atualmente é de 19%, enquanto que a média global é de 27%.

Mulheres na liderança

De acordo com a chefe da Assessoria de Desenvolvimento Humano do Crea-DF, Jô Pontes, a cultura organizacional e algumas competências - que é a relação entre o conhecimento técnico, habilidades e atitudes - contribuíram para a evolução das mulheres em cargos de liderança. "Podemos perceber que a cultura organizacional do Conselho no decorrer dos anos busca valorizar as mulheres, o que é muito positivo",  afirmou.

As mulheres que compõem a estrutura administrativa do Crea-DF tem conquistado espaço em funções de liderança. Neste ano, das 37 mulheres que compõem o quadro do Conselho, 13 ocupam cargos de gestão, ou seja, 35% das mulheres. Em contraponto, existem 10 homens ocupantes de cargos de gestão, de um total de 57  homens, equivalente a 18%.

É importante destacar que das 37 mulheres citadas, 20 delas conciliam, ou já conciliaram, a vida profissional e a maternidade.

Última modificação em Terça, 10 Março 2020 17:38